Arquivo da tag: Michigan

4 anos nos EUA e o futuro do blog

IMG_6176

Outono de Michigan 2017 – foto @morarnoseua

 

Hoje, dia 10 de novembro de 2017 faz exatamente 4 anos que deixamos a nossa vida redondinha, casa legal, cidade bacana, emprego, familiares e amigos para começar tudo do zero em outro país. Olho para traz e parece que foi ontem, como passou rápido! Quanta coisa aconteceu, o quanto que aprendemos, desafios, saudades…e no meio disso tudo este blog que me colocou em contato com tanta gente na mesma situação que nós e que fez o meu caminho se cruzar com de pessoas novas (algumas que tive o prazer de conhecer pessoalmente e que se tornaram minhas amigas),  que chegaram aqui em Michigan alguns anos depois da gente mas que encontram aqui, algumas respostas e caminhos para as dúvidas tão frequentes durante este momento de mudança e adaptação.

Quatro anos se passaram desde que escrevi o primeiro post aqui e uma das perguntas que eu mais recebo hoje é: “Você ainda escreve o blog Juliana?” ” O blog acabou?” e a resposta é NÃO, o blog não acabou! O que acontece é que desde que o meu segundo filho nasceu eu não consegui ainda me organizar para reservar um tempo para sentar e compartilhar as nossas experiências aqui no blog e outra, eu acho que não tenho mais tanta novidades para escrever aqui, depois de 4 anos a vida já entrou em uma rotina. A finalidade principal quando iniciei o blog, era compartilhar a nossas experiência durante a fase desta grande mudança de vida que tivemos há quatro anos atrás. Escrevi muito sobre o nosso período de adaptação, as coisas novas que aprendemos, compartilhei dicas praticas  como tirar a carteira de motorista, locação de casa, as escolas nos EUA entre outras coisas. Todos essas informações estão aqui no blog e sei que continuam ajudando muitos recém chegados por aqui.

Ultimamente, o tempo que eu tenho para o blog esta sendo dedicado mais para a página do blog no Instagram. Lá eu consigo juntar duas coisas que eu gosto muito que é a fotografia e o escrever. Então para você que sente falta de posts mais frequentes por aqui ou que quer saber como anda a nossa rotina depois de 4 anos em terras americanas,  comece a nos seguir no Instagram @morarnoseua. Pelo menos 1 vez por semana eu posto alguma foto por lá!

Mas aproveitando que eu estou aqui, vou falar um pouquinho de como foram esses últimos meses. Durante o verão estivemos com a casa cheia! Recebi praticamente toda a minha família: mãe, pai, irmã, sobrinhas, irmão, cunhada e até o meu avô de 91 anos venho para cá!

Minha mãe e meu avô ficaram 2 meses aqui conosco durante o verão o que foi muito bom! Para nós que moramos longe de todos é uma delícia ter a família junto com a gente! Como estávamos com visita praticamente durante todo o verão não fomos viajar por Michigan como de costume. Acampamos apenas uma vez e fomos pela primeira vez no parque aquático Cedar Point que fica no estado vizinho de Ohio.

As aulas do Theo começaram em Setembro e agora ele é um 3th Grade! Ele já está bem adaptado na nova escola (mudamos de casa no ano passado, então ele teve que mudar de escola novamente) e  já tem vários amiguinhos. Brincou muito na rua durante o verão todo já que nesse novo bairro em que moramos tem muitas crianças e todas vão juntas no mesmo ônibus para escola.

Ahh! Teve show do Bon Jovi e U2 também!

Mal começaram as aulas e tivemos que ir para o Brasil renovar (de novo) o nosso visto H1b. Tem post no blog explicando como é a renovação. O Visto H1b pode ser renovado por no máximo 2 vezes pois a validade dele é no máximo de 6 anos. Aproveitamos a viagem  para ver a outra parte da família que não venho para os EUA este ano e finalmente conseguimos fazer uma viagem a dois depois de 4 anos (pois tinha as avós para cuidar das crianças).

Fomos comemorar os nosso 10 anos de casados em Fernando de Noronha! Que lugar lindo! Merece todos os clichês!! E olha que já viajamos para lugares lindíssimos! Sim, é um destino caro, por isso nunca fomos enquanto morávamos no Brasil. Sempre quando colocávamos na ponta do lápis os custos para se viajar para Noronha, optávamos em viajar para fora do Brasil. Valeu a pena? Sim, sim, sim!!! Cada centavo valeu a pena!

Depois de quase um mês no Brasil voltamos para a nossa vidinha a quatro aqui nos EUA. Chegamos junto com o Outono, época de mudança de estação, o frio esta chegando, os dias estão mais curtos. É um momento de curtir o nosso ninho, a nossa casa e uns aos outros.

Vocês leitores do blog, continuem por aqui! O blog não esta abandonado! (Acho que já escrevi isto antes, rs). Continuem enviando dúvidas e perguntas, vejo todas! As vezes demoro um pouco para responder mas um dia a sua resposta chega tá!

Um grande abraço

Juliana

 

Anúncios

Feriado nos EUA – Memorial Day

Flags on houses_2

Hoje foi feriado de Memorial Day aqui nos EUA. Este feriado é uma homenagem aos militares que perderam a vida defendendo a bandeira americana na guerras e é um dos principais feriados americanos. É comemorado principalmente através das parades (desfiles) pelas cidades e é abertura oficial da temporada dos churrascos no quintal (barbecures) e das atividade de verão como piscinas e splashpads nos parques e clubes (pelo menos aqui em Michigan).

Neste final de semana a vizinhança caprichou na arrumação do quintal, cortaram a grama,  encheram as jardineiras de flores, tiraram as capas dos moveis do pátio (que protegiam contra a neve e chuva)  e  limparam a churrasqueira!  Todo mundo animado por aqui! Muita gente viajando para as “praias” de Michigan também,  já que o tempo colaborou com um sol lindo neste fim de semana prolongado. Ah, e lojas cheias também, já que feriado aqui é sinônimo de megapromoções e compras!

Nos ficamos por aqui mesmo pois resolvemos tirar o carpete da sala e colocar piso de madeira no estilo americano de faça você mesmo (DIY). O Theo participou também pela primeira vez do desfile de Memorial Day com a turma do karatê.

Já falei sobre o Memorial Day neste post aqui, vale a pena ler pois visitamos o Greenfield Village e foi muito legal!

Todo este clima de festa com churrascos, piscina, barcos nos lagos é concentrado entre os feriados de Memorial Day (última segunda-feira de Maio) e o Labor Day (segunda segunda-feira de Setembro) aqui em Michigan. Este período engloba as férias de verão da criançada que começa agora na segunda semana do mês de Junho (summer break) e termina na semana do Labor Day em Setembro (o início do ano escolar aqui é em Setembro, diferente do Brasil que é no final de Janeiro).

Enfim, já estamos todos ansiosos para os próximos meses de calor e vamos tentar aproveitar ao máximo pois aqui em Michigan ele dura pouco, infelizmente.

                                      ” The Summer is on the corner!”

Abraços

Juliana

Todos os textos e fotos desta página são de direitos autorais da autora Juliana Fontes.
A cópia de tais textos é proibida por lei. Fique à vontade para compartilhar e divulgar o blog mas não copie e cole.

 

 

3 anos morando nos EUA

dsc01881

Aeroporto de Guarulhos – 10 de novembro de 2013

E hoje dia 11 de novembro de 2016 faz exatamente 3 anos que desembarcamos em terras americanas! Nossa como o tempo passa rápido!

Obrigada a todos vocês que acompanham o blog! Sempre leio TODOS os comentários que vocês deixam aqui e se eu não te respondi peço mil desculpas. Continuem participando ativamente do blog, deixem comentários, curtam a nossa página no Facebook e no Instagram. Compartilhem com os amigos!! Isso ajuda o blog a crescer!

Este post de hoje é para agradecer a essa oportunidade que tivemos há 3 anos atrás e fazer uma retrospectiva de algumas coisas que vivenciamos por aqui. Vou deixar abaixo o link para alguns posts que escrevi no blog ao longo desses 3 anos e  que tem tudo a ver com o dia de hoje!

Um grande abraço!!

Juliana

O dia em que chegamos aqui nos EUA 

O post que escrevi de dentro do avião

O primeiro post do blog

Aos recém-chegados nos EUA

O que levar para os EUA

Primeiras providencias ao chegar nos EUA

1 ano morando nos EUA

O que perdemos quando deixamos o Brasil

Bom, estes três anos foram bem vividos, muitas experiências novas e viagens!! O que amamos!!

img_0314

Inverno de 2014 – descobrimos como é morar em um lugar que neva! No nosso primeiro inverno fomos presenteados com  recordes de temperaturas baixas e quantidade de neve acumulada!

img_0846

Fevereiro de 2014 -Andamos sobre um lago congelado pela primeira vez!

img_0618

Aprendemos a fazer um boneco de neve (não é fácil como parece)

,

img_0127

Theo descobriu que brincar em um playground cheio de neve é bem divertido!

dscn9484

Passamos a relacionar o mês de outubro com abóboras!!

dsc00224

Descobrimos que Detroit é muito mais do que edifícios abandonados

img_5956

Descobrimos uma estação chamada Outono de Michigan e passamos a ama-la!!

img_3400

Assistimos a Nascar

img_1663

Aprendemos a curtir os fins de tarde de verão nos parques e aproveitar o calor ao máximo pois aqui ele dura pouco.

dscn2351

Nos divertimos nas noites de Halloween!

img_5024

Segurei em uma arma pela primeira vez na vida! Nao gostei mas foi uma experiência nova dar uns tiros.

img_4165

Aprendemos a ter paciência para cultivar tulipas!, Plantar os bulbos em novembro antes da neve para ve-las florecer apenas em maio na primavera.

img_2287

Tentamos Esquiar

img_0348

Tentamos patinar

img_6597

Descobrimos uma nova gordice: Elephant ears

img_2289

Fomos para a Disney!

img_5803

Conhecemos New York

dscn0939

Redescobrimos Chicago!

img_6400

O Canadá esta logo ali!

dscn0011

Conhecemos Montreal no Canada e reencontramos amigos queridos por lá!

DCIM102GOPRO

Foi muito bom visitar Toronto de novo!

img_1414

Fomos para Indianapoles

img_9467

Descobrimos que acampar em Michigan é muito legal!

img_0486

Fui no show da Shania Twain

E podemos dizer que conhecemos o 5 grandes lagos (The Great Lakes)!

DCIM101GOPRO

Lake Superior em Munising na Upper Península de Michigan

dsc00371

Lake Erie em Cleavelend-Ohio

dscn0583

Lake Michigan em Sleeping Bear sand Dunes em Michigan

dscn9814

Lake Ontário no Canadá

dsc01002

Lake Huron

dscn1339

Fiquei grávida!

img_4218

A familiar aumentou!!

Muita coisa aconteceu, aprendemos muitas coisas novas nessa vida fora do Brasil, muita saudade, muitas conquistas, fizemos amigos, algumas perdas, mas no final posso dizer que esses 3 anos foram muito bem vividos!!!

Mais abraços!

Juliana

Todos os textos desta página são de direitos autorais da autora Juliana Fontes.
A cópia de tais textos é proibida por lei. Fique à vontade para compartilhar e divulgar o blog mas não copie e cole.

Rumo a UP North- Parte 2

DSCN0775

Depois de fazermos o passeio principal de Munising que é ver as Pictured Rocks passeando de barco pelo Lake Superior – Clique aqui para ver esta primeira parte da viagem – no dia seguinte fomos desbravar de carro a região.

Como o tempo virou e começou a chover (não deu para fazer o passeio de caiaque pelas Pictured Rocks), resolvemos ir até a cidade de Marquette que fica  a  50 minutos de Munising. A estrada vai beirando o Lake Superior e se não fosse o tempo chuvoso teria rendido lindas fotos. A cidade de Marquete é a maior cidade da Upper Península com aproximadamente 22,000 habitantes. Marquette é uma cidade universitária pois abriga a Northern Michigan University com aproximadamente 10,000 estudantes. É uma cidade turística que assim como Munising atrai turistas na primavera, no verão por causa das praias, camping, pesca e caça, no outono por causa da paisagem deslumbrante e diversas trilhas para hiking e bike e no inverno por causa dos esportes de neve. Como tempo não ajudou muito fomos conhecer o Marquette Maritme Museum. É um museu pequeno mas bem montado e as crianças pequenas acabam gostando. Ao lado do Museu tem uma Lighthouse (farol) para visitar, mas como não vemos muita graça em visitar farol acabamos não indo até lá (Os moradores de Michigan tem uma atração por faróis, deve ser por aqui tem muitos, já que o estado é rodeado pelos grandes lagos)

IMG_0127

Museu Maritimo de Marquette. Opção para um dia de chuva.

Depois do museu fomos comer a famosa Pastie, que é tipo uma fogaça tradicional da região norte de Michigan. Comemos em uma pequena lanchonete chamada Jean Kay’s que é bem tradicional na região, estava muito bom e o próprio proprietário estava lá fazendo as pasties e foi super atencioso conosco.

IMG_0131

A famosa Pastie da Upper Peninsula.

IMG_0129

 Na volta para Munsing passamos por um parque repleto de esculturas gigantes feitas com sucata chamado Lakenenland, você não paga nada para entrar e nem precisa sair do carro para ver as esculturas, o que é bom em dias chuvosos e no inverno.

IMG_0140

Esculturas de sucata do Lakenenland

IMG_0137

Lakenenland

Esta região entre Munising e Marquette é repleta de trilhas para ATVs (jipes, quadriciclos, motos) e no inverno elas são usadas para andar Ski (Ski Trail) e de snowmobile, são mais de 300 milhas de trilhas para os aventureiros que gostam de se divertir na neve. Clique neste link para obter mais informações de como se divertir no inverno na Upper Península de Michigan! Dizem que ver as inúmeras cachoeiras da região congeladas é outra atração imperdível!

neve munising

Upper Península: Ótima opção para os esportes de inverno! (foto: http://www.munisingsnow.com)

Eben_Ice_Caves

Eben Ice Caves (fotos do site munisingsnow)

Munising_Waterfalls

Munising Winter Waterfalls (fotos do site munisingsnow)

Mais informações sobre a cidade de Marquette aqui.

Marquette Visitor Guide

No dia seguinte o tempo melhorou e seguimos viagem de Munsing pela sentido Grand Marais pela estrada H-58. Esse passeio é lindo e eu só fiquei imaginando passar por esta estrada no outono, quando as folhas das árvores estão com aquele tom vermelho-alaranjado lindo!! Neste trajeto de 50 milhas existem vários pontos de paradas com mirantes, cachoeiras e praias. Um dos mirantes mais bonitos e de fácil acesso é o Minners Castle que oferece uma vista linda do alto das Pictured Rocks.

IMG_0174

H-58 – Considerada uma das estradas mais bonitas da Upper peninsula. Conseguem imaginar este lugar no outono?

DSCN0730

Mirante Maners Castle

Outro mirante bem procurado é o Chapel Rock, mas acabamos vendo ele apenas de longe pois a trilha requeria uma caminhada mais longa e com criança pequena complica um pouco. Paramos em algumas praias muito bonitas pela caminho e bem rústicas, porém sofremos um pouco com os mosquitos, passamos repelente mas mesmo assim eles estavam nos atacando (me lembrou meus passeios em Ilha Bela-SP), mas mesmo com  mosquitos vale a pena! Cabe lembrar que as praias formadas pelo Lake Superior são mais contemplativas pois a água, mesmo no verão, é gelada!

DSCN0738

Trilhas para os mirantes são bem acessiveis.

DCIM101GOPRO

Praias na H-58: Rústicas, lindas e geladas (no começo do verão)

IMG_0158

Praia formada pelo Lake Superior

Mais informações sobre os mirantes e praias na H-58 aqui.

map6

Grand Marais é uma vilinha de praia bem pequena mas charmosa, é conhecida pelas praias escondidas e pelas dunas de areias. Para quem não vai se aventurar pelas trilhas não tem muito o que se fazer por lá, paramos apenas para almoçar e continuamos a viagem para conhecer a mais famosa das cachoeiras de Michigan, a Tahquamenon Falls.

IMG_0180

Dunas de Grand Marais

IMG_0183

Vista do lake Superior do alto das dunas de Grand Marais

IMG_0191

Cidade de Grand Marais

Tahquamenon Falls é considerada a maior cachoeira de Michigan. Ela fica na cidade de  Newberry dentro de um parque estatual e o acesso é fácil, com boa sinalização e boa infra-estrutura ao redor com banheiros, lanchonetes e lojinhas de lembrancinhas. Não espere encontrar uma cachoeira gigante, para a gente que já esteve em Foz do Iguaçu ou até mesmo em cachoeiras menores espalhadas pelo Brasil, ela é pequeninha, mas a paisagem em que ela esta inserida é muito bonita e vale a pena o passeio.

DCIM101GOPRO

Tahquamenon Falls

DCIM101GOPRO

A famosa Tahquamenon Falls

Mais Informações sobre a Tahquamenon Falls aqui.

Atrações na região da Tahquamenon Falls.

images (1)

Tahquamenon Falls no outono, temos que voltar lá na estação mais bonita do ano de Michigan!!

Nesta região tem diversos passeios para fazer e locais para acampar. Tem o Oswald’s Bear Ranch que é um santuário de ursos (não é um zoológico) que parece ser uma passeio bem legal, mas acabamos não visitando, ficou para a próxima.

2956540344_3fd160fbd8

Como aqui durante o verão fica claro até quase as 10 horas da noite, seguimos viagem ate chegar na cidade de Sault Saint Marie onde tinhamos hotel reservado. Eu particularmente não gostei dessa cidade, achei bem decadente. Sault Saint Marie faz divisa com o Canadá com uma cidade de mesmo nome e possui um porto muito grande pois o canal que passa pela cidade faz a comunicação entre os Lagos Superior e o Huron, então a cidade tem uma importância comercial e estratégica, mas de turística deixa a desejar. O único passeio que fizemos na cidade foi visitar um navio museu, o Museum Ship Valley Camp. É um passeio legal pois é um navio enorme que foi transformado em museu e você anda por ele inteiro. Demos uma volta na rua principal da cidade onde aproveitamos para comer o famoso Fudge da Upper Peninsula.

DSCN0779

Museum Ship Valley Camp em Sault Saint Marie

IMG_0217

IMG_0213

Fudge em Saint Marie

IMG_0218

Preparando o Fudge

De Saint Marie seguimos caminho de volta para a Lower Peninsula cruzando novamente a Mackinac Bridge. Paramos na cidade de Mackinaw City, esta sim bem bonitinha, para apreciar a vista da  famosa ponte.

IMG_0234

Macknaw City

Pretendemos voltar novamente para Mackinaw City para conhecer mais a cidade e conhecer também Mackinac Island, que é um dos pontos turístico mais famosos de Michigan. Só não fomos desta vez pois não estávamos com tempo e tínhamos que voltar para casa.

Esse foi o nosso primeiro passeio na Upper Peninsula, claro que tem muito mais lugares para se conhecer por lá. A região é muito bonita e foge do padrão americano de viagem pois é um passeio para se curtir a natureza, sem pressa, sem outlets, sem vida noturna e  sem grupos de excursões pelo caminho.

Informações sobre Mackinaw City aqui

informações sobre Sault Saint Marie aqui

Abraços

Juliana

Todos os textos desta página são de direitos autorais da autora Juliana Fontes.
A cópia de tais textos é proibida por lei. Fique à vontade para compartilhar e divulgar o blog mas não copie e cole

Como é morar em Michigan

Hoje saiu a entrevista que eu dei para a Lu lá do Blog Viver nos EUA. Segue abaixo o link!

Como é morar em Michigan

michigan-street-sign

1- Em que cidade e estado americano você mora? Há quanto tempo você vive nos Estados Unidos e em que parte do Brasil você morava antes de vir para cá? (pode falar um pouco sobre como veio para cá também)

 Estamos morando nos EUA  desde novembro de 2013. Primeiro moramos na cidade de Canton aqui em Michigan e agora estamos morando em Wixom, também em Michigan. É uma cidade pequena, como a maioria das cidades de subúrbio, mas todas muito próximas umas das outras e com inúmeras opções de comércio e lazer. No Brasil morávamos no estado de de São Paulo. Nos mudamos para os EUA pois apareceu uma oportunidade de trabalho para o meu marido na área dele aqui, e como sempre tivemos vontade de passar pela experiência de morar em outro país, resolvemos encarar esta aventura!

2- Como foi sua adaptação, tendo em mente as diferenças entre a cidade brasileira que você morava e sua vida aqui?

Não tivemos muito problemas com relação a adaptação, posso dizer que me adaptei mais rápido do que eu esperava. Claro que a língua é sempre uma barreira no início, mas isso nunca me impediu de me relacionar com as pessoas e explorar a nossa nova cidade.  A presença de amigos brasileiros que já moravam aqui na região nos ajudou muito nessa adaptação além disso, o fato do meu filho frequentar a escola pública aqui abriu uma oportunidade para eu ajudar como voluntária na escola o que me ajudou a conhecer as mães americanas. Assim que chegamos aqui, tivemos que começar a vida novamente do zero e entender como o sistema funciona, mas depois dos 3 primeiros meses tudo entrou nos eixos e vida entrou na rotina novamente.

3- O que você mais curte na sua área?

Em primeiro lugar a segurança. Mesmo estando a apenas meia hora de Detroit que é considerada uma das cidades mais violentas dos EUA, nós nos sentimos muito seguros aqui em Michigan. Poder entrar e sair de casa sem ter que procurar por algum “suspeito”, deixar o seu carro estacionado em qualquer lugar, sem medo de que ele possa ser roubado e ficar parada no semáforo com o vidro do carro totalmente aberto (no verão de Michigan claro!) para mim não tem preço. Em segundo, lugar é a presença de boas escolas, meu filho adora a escola, e já está fluente em inglês, isso vai ser um diferencial no futuro dele. Além disso a presença de muita áreas verdes e inúmeros parques para recreação aos finais de semana. Uma outra coisa linda aqui de Michigan e que eu adoro e poder presenciar a mudança das estações do ano, cada estação aqui e muito bem definida e cada uma tem a sua beleza, mas a minha preferida é o outono, é lindo ver as folhas das árvores se tingindo de vermelho, laranja e amarelo! É uma paisagem que não temos no Brasil e acho que por isso me encanta tanto!

images (1)

Outono

4- O que você menos gosta dessa área?

Os meses de inverno em Michigan são os mais difíceis. No começo é legal, a neve é linda, brincamos na neve, fazemos sledding, mas depois de 2 meses de muito frio e neve, começa a baixar uma certa depressão. Um outro ponto negativo é falta de transporte público. Não existe linhas de ônibus, nem de trem, nem metro e táxi só o do aeroporto. Aqui você é obrigado a ter um carro.

DSC_0134

Inverno em Michigan

5- O que mais te surpreendeu nessa cidade/estado assim que você chegou aí?

O sistema aqui funciona. Não existe a burocracia enorme que tem no Brasil e nem o famoso “jeitinho”. Regra é regra para todo mundo. Outra coisa que me chamou a atenção foi a quantidade de áreas verdes, parques e as praias que tem na região norte de Michigan formadas pelos grandes lagos (Great Lakes).

6 – Como você descreveria sua a vida nessa cidade ?

Nossa vida aqui é muito tranquila. Não existe tränsito (a não ser quando tem algum acidente ou neva muito no inverno) e nem violência. Temos acesso fácil a vários supermercados, shoppings e opções de lazer. A única coisa de quem sentimos falta é da nossa família que ficou no Brasil, principalmente aos finais de semana.

 download

7-Quais atrações turísticas da sua área você já visitou e quais delas você ainda não visitou e por que?

A região em que moramos não é uma área turística. Dificilmente alguém do Brasil vai escolher Michigan como destino de férias nos EUA.  A grande maioria das pessoas que vem para a região de Detroit é para negócios ou para participar de congressos, principalmente relacionados com a indústria automobilística. Mas Michigan tem muitas boas surpresas! Existem diversos museus na região de Detroit, ainda não tive a oportunidade de ir, mas dizem que o Detroit Institute of Arts é muito bom, tem o Detroit Zoo que fica em Royal Oak que é bem legal para passear com crianças, o Henry Ford Museum que conta um pouco da história americana e da indústria automobilística. Passear no Riverfront em downtown Detroit e observar a cidade de Windsor no Canadá ali do outro lado do Detroit River também é um ótimo passeio para os dias quentes de verão, e se vocë tiver visto Canadense é só cruzar a ponte que vocë já esta no Canadá. Tem também um museu a céu aberto chamado Greenfield village que fica na cidade de Dearborn, bem próximo a Detroit, é um lugar muito legal, que reproduz uma vila americana do início do século dezenove, sempre tem atividades especiais em datas comemorativas e vale muito a pena a visita, um passeio para a família inteira!

Detroit Bankruptcy Ar_Besc (2)

Institute of Arts

Durante os meses de verão uma visita as praias da região norte de Michigan é passeio obrigatório. A região é muito verde, muito linda e a cor turquesa e a imensidão do lago Michigan no verão é uma surpresa indescritível! Se tiverem a oportunidade de irem para o norte de Michigan não deixem de visitar as cidades de Traverse City, Sleeping Bear Dunes, Mackinac Island, Petroskey, Silver Lake dunes. E muito comum durante o verão as famílias locarem trailers e acamparem nos diversos parques que tem na região norte. Dizem que a Upper Peninsula de Michigan é linda também, estamos programando para conhecer esse ano.

download (1)

Praias de Michigan

8- Quando seus amigos e familiares brasileiros te visitam onde você os levam (algo imperdível para se fazer aí) e onde você jamais os levaria (algo que é uma perda de tempo ou uma tourist trap)?

Ainda não recebemos muitas visitas, apenas dos nossos pais, que quando chegaram aqui o que eles mais queriam era curtir o neto e além disso eles vieram nos meses frios, então não tinha muita coisa outdoor para fazer. Mas baseada na experiência de amigos que já receberam várias visitas, uma das primeiras coisas que todo mundo que fazer logo que chega aqui é compras. Então uma ida aos outltes é parada obrigatória para as visitas. Depois das compras acho interessante apresentar o lado legal de Michigan como os parques e praias como já falei (no verão claro!). Um dia de passeio em Detroit também tem que estar na programação, pois todos tem uma imagem muito errada desta cidade. É claro que tem bairros violentos nos quais não passamos nem perto, mas a região de Downtown Detroit está toda revitalizada, tem ótimos museus, estádios para assistir aos jogos e ótimas opções de restaurantes.

9- O que você faz nos fins de semana para relaxar e como é o lazer na sua cidade?

Nos meses de primavera, verão e outono, as opções para relaxar nos finais de semana são ir aos parques, fazer pic-nic, andar de bicicleta, passear para a região norte do Estado. Durante o inverno a gente acaba ficando mais dentro de casa, mas gostamos de ir ao cinema, casa de amigos, praticar ice-skating. Quando a temperatura permite gostamos de fazer sleeding nos parques. Para quem gosta e sabe esquiar, tem algumas opções de estações de Ski no norte de Michigan.

10- Há um perfil “típico” de pessoas que vivem onde você mora? Seja em personalidade, idade, nível educacional, aspirações ou qualquer outra coisa que você possa ter notado ao morar aí?

A maioria das pessoas que moram aqui na nossa região são pessoas que trabalham na indústria automobilística. Por causa disso também tem muitos estrangeiros por aqui. Eu percebo que as pessoas aqui são muito tranquilas, e as famílias são bem grandes, com uma média de 3 a 4 filhos por casal. Os americanos são também muito patriotas e adoram demonstrar o orgulho que tem pelo seu pais, isso e visto pela quantidade de casas com ostentam a bandeira dos EUA do lado de fora e pela participação ativa da população em datas comemorativas como no feriado de 4 de julho. Me dou bem com os americanos, depois que te conhecem eles são pessoas bem receptivas, mas aqui cada um cuida da sua vida, percebi que desde de crianças os americanos aprendem a ser bem independentes. Ninguém te julga pela roupa que você veste ou pelo carro que você tem. Como qualquer país, aqui eles tem alguns hábitos e costumes diferentes dos nossos brasileiros, mas essa é grande experiência de se morar em outro país, o contato com outras culturas e formas de pensar e olhar o Brasil e nós, brasileiros, por uma outra perspectiva.

Flags on houses_2

Patriotismo Americano

11- Você trocaria sua vida onde mora ou já pensou em se mudar para outra região/cidade dos EUA ? Por que sim? Por que não?

Por enquanto não pretendo sair aqui de Michigan, estou gostando de morar aqui e ainda temos muito o que explorar dessa região. Tem o problema do frio, mas eu costumo dizer que a beleza do verão e do outono compensa o inverno gelado. No futuro, se aparecer uma oportunidade de morar em um Estado mais quente ou até em outro país, estaríamos abertos a mais uma nova experiência.

12- Você já morou em outra parte/cidade dos EUA? Como você compararia ela a cidade onde você vive atualmente? 

Esta esta sendo a nosso primeira experiência em morar em outro pais

13- Com o que você se acostumou mais rápido?

Me acostumei rápido com a facilidade de ter tudo sempre perto de mim como grandes redes de supermercados, shoppings, lojas e não ter que enfrentar tränsito para me locomover entre os lugares.

14- Com o que você não se acostumou nos EUA até hoje?

Me acostumei com tudo aqui, é muito fácil se adaptar aos EUA, desde que você esteja aberto a novas experiências. Poderia falar da comida, mas não temos o hábito de comer muito fora de casa, em restaurantes, então acabo cozinhando as mesmas comidas que fazia no Brasil. As vezes não encontro um ou outro ingrediente, mas nada que se torne um problema.

15- Você já pensou em voltar para o Brasil? Quando isso aconteceu- caso tenha acontecido- e por quê?

O nosso visto aqui e temporário, pois é um visto de trabalho. Um dia teremos que voltar para o Brasil. A minha vontade é de ficar aqui, principalmente pela questão da segurança e pelo futuro do meu filho. Sentimos muita falta da nossa família que ficou no Brasil, mas se pudéssemos escolher ficaríamos morando aqui.

images

Detroit

16- Você tem algum conselho que gostaria de dar para aqueles que desejam morar na sua cidade e/ou nos EUA?

Muitas pessoas sonham em vir morar aqui nos EUA.  O meu conselho é que se você quer vir morar aqui, corra atrás, estude inglês e se especialize. Tem que ser uma decisão muito bem pensada. Aqui é uns país seguro, com ótimas escolas, ótimas opções de lazer, mas também tem que se trabalhar muito e o custo de vida não é barato. Algumas pessoas se iludem achando que nos EUA tudo é mais barato que no Brasil mas não é bem assim. Comprar um carro ou fazer compras nos Outltes pode até ser mais barato que no Brasil, mas pagar aluguel de casa, arcar com um plano de saúde, contas de água, luz e gás pesam bastante no orçamento no final do mës, então tudo tem que ser levado em consideração. É uma mudança de vida muito grande, as culturas são diferentes e você sempre será um estrangeiro aqui.

Abraços !!

Juliana

Como é morar em Michigan – entrevista para o blog www.descobriaamerica.com.br

Todos os textos desta página são de direitos autorais da autora Juliana Fontes.
A cópia de tais textos é proibida por lei. Fique à vontade para compartilhar e divulgar o blog mas não copie e cole

Quando você pensa que o frio foi embora….

Imagem

Um dia de sol em Michigan!

No próximo dia 20 de março começa, oficialmente,  a primavera aqui nos EUA. Já entramos no horário de verão (ou saímos do horário de inverno ?) aqui em Michigan, então a diferença de horário com relação ao Brasil é de apenas uma hora agora. Os dias estão começando a ficar mais longos, o sol aparece quase todos os dias e a vida aos poucos começa a resurgir nesta terra gelada. Como a  neve e o gelo estão derretendo,  a grama do nosso quintal voltou a aparecer e com isso os pássaros também estão voltando. Já é possível encontrar algumas pessoas  andando a pé pelas ruas, vizinhos passeando com seus cachorros (os quais estavam dentro de casa desde janeiro) e já cruzei com uns dois motociclistas ( por causa do frio e do gelo nas ruas , desde de que nos mudamos para cá não tinha visto nenhuma moto pelas ruas da cidade ainda).

Canton, Michigan. 13 de março de 2014

Canton, Michigan. 13 de março de 2014

Entretanto, eu não me deixo mais enganar por esse clima louco aqui de Michigan. Na sexta-feira dia sete de março fez um dia lindo de sol, o termômetro chegou aos 10 graus positivos, aquela neve toda começou a derreter e nós aqui  ficamos animadíssimos pois afinal , já estava na hora do frio ir embora! Pois é, na terça-feira dia 11 de março a noite começou a nevar de novo e nevou muito, nevou tanto que recebi uma ligaçao da escola do Theo às seis horas da manhã da quarta-feira que as aulas estavam canceladas por causa da neve.  A neve só parou de cair às quatro horas da tarde da quarta-feira dia 12 de março. E tudo ficou completamente branco de novo!

Imagem

Foto tirada dia 13 de março 2014

O sol voltou e sexta-feira passada fez doze graus positivos e o gelo esta derretendo de novo como comentei no início do post. Lá fora agora está um sol lindo, mas o termômetro esta marcando nove graus negativos neste exato momento.

Imagem

Foto tirada sabado dia 15 de março. Olha a minha grama aparecendo de novo!

Pelo jeito a nossa primavera vai ser bem curta aqui em Michigan pois o verão, teoricamente começa dia 21 de junho. Sei que aí no Brasil vocês tiveram um verão muito quente e tão desagradavel como o nosso inverno daqui, mas prometo aqui no blog que não vou reclamar quando os termômetros aqui em Michigam chegarem aos 35 graus positivos e eu conseguir sair lá fora de  shorts, camiseta e chinelo!!!

Uma ótima semana !!!!